Quinta-feira, 29 de Dezembro de 2011

No seio de uma lágrima

Fruto de fortes emoções

Que fervilham e pulsam

A cada batida do coração

Nasce cristalina e quente

 

Brota num canto

Do espelho da alma

Que reflecte a imagem

De sentimentos

Que não se controlam nem explicam

 

Suavemente desliza

Sem pressa…

Num rosto marcado pelo tempo

Abrindo novos caminhos

Entre os seus sulcos

 

Um pedaço de mar salgado

Onde se guardam

Sorrisos, alegrias e tristezas

Onde se escondem

Fúrias e revoltas

Onde se dão abraços

E se trocam beijos de despedida

E de reencontro

 

Gritamos e choramos

Rimos e soluçamos

No seio de uma lágrima…

 

publicado por SRock às 01:12
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Luta de silêncios

. ...

. Fugiste daqui

. Não sei quem quero ser…

. Por tudo...

. O que sinto…

. Mesmo antes de acordar

. Caminho...

. Um desejo de Natal

. Sonhos…

.arquivos

. Abril 2015

. Março 2014

. Abril 2013

. Março 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

blogs SAPO

.subscrever feeds