Domingo, 18 de Março de 2012

O teu olhar...

O meu olhar chocou com o teu

Foi um embate forte

Que causou estragos graves

E agitou o meu mundo

 

A dança do tempo parou

Apenas por breves instantes

E parou também a minha respiração

Que já não inspirava o ar

Que de repente se tornou denso

 

As vozes em redor ficaram mudas

E os passos silenciosos

Para não quebrarem a fina camada

De luz que nos uniu nesse breve segundo

 

Consegui apenas ver a minha imagem

Que se reflectia naquele ponto preto

E que me atravessava de um lado a outro

Sem pedir licença para passar

 

Tudo o resto estava distorcido

Tudo o resto eram apenas fragmentos

Desfeitos e sem cor

De imagens com que não tinha sonhado

 

Fiquei presa nesse teu olhar

Como se uma teia me tivesse envolvido

Como se uma névoa tivesse descido sobre mim

E não me deixasse ver mais nada

 

Foi apenas um segundo

Que vai durar o tempo duma vida

Pelo menos enquanto os meus sentidos

Não forem desgastados

Enquanto eu conseguir rasgar com um sopro

A distância que nos separa

publicado por SRock às 12:19
link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De Mamy a 27 de Março de 2012 às 18:33
Li e gostei. Beijo grande.

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Luta de silêncios

. ...

. Fugiste daqui

. Não sei quem quero ser…

. Por tudo...

. O que sinto…

. Mesmo antes de acordar

. Caminho...

. Um desejo de Natal

. Sonhos…

.arquivos

. Abril 2015

. Março 2014

. Abril 2013

. Março 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

blogs SAPO

.subscrever feeds